23.2.11

21 de Fevereiro

Sabes o que é acordar todos os dias e ter a certeza que te tenho do meu lado? É ser feliz.
Sempre achei que o amor fosse uma quimera, uma esperança irrealizável, uma fantasia. Eu já o tinha sentido, mas não desta forma intensa como o sinto agora, ao teu lado. Parece que me injectas amor todos os dias e eu podia viver dele o resto da minha vida. Lembrei-me disso ontem, quando estava contigo, enquanto dizias que me amavas e enquanto sorríamos e trocávamos beijos apaixonados.
Sentia-me impotente, de não saber o que querer ao certo. Um medo que abalava todos os dias as nossas conversas, que passavam a discussões intermináveis. Um medo de me envolver contigo, que de certa forma me fazia afastar de ti. Um medo que tu quebraste e que te chegou para junto de mim. Já não tenho medo. O medo sugou-me o amor durante tempos e dou graças a Deus por ele o ter feito... senão nunca te teria ao meu lado e provavelmente estaria com outra pessoa, amargamente por me convir ou algo do género. Todo o sofrimento valeu a pena, porque me levou a ti e agora tenho-te.
O mais engraçado é que mudei. Sempre fui uma perfeita idiota, só me sentia bem com o amor de duas pessoas, uma nunca me chegava para me completar, mas agora apareceste tu, que mudou o rumo às coisas. Ao teu lado sinto-me completa, não preciso de mais nenhum outro amor. O teu já é tão grande, muito mesmo, que me abraça quando a noite cai e passa mais um dia em que nós estamos juntos.
Cada instante que passa, são segundos em que o meu amor por ti aumenta. Sinto-te a cada instante desses segundos, a cada instante.
Decidi largar tudo, correr para os teus braços. Ganhei coragem e saltei as escadas que nos separavam e alcancei o teu piso. Sei que agora, estamos juntos nesta corrida. Sei que contigo, sou a mais feliz e não é uma hipérbole é realmente a verdade, sem segredos contidos num passado triste. O presente sorri-me e eu lanço-me contigo num futuro inconcreto, que nos espera... de certo.

13 comentários:

  1. Amei o texto *O*
    Tens muito geito *-*
    Ao menos tu, tens sorte no amor (:
    Eu nem tenho no jogo nem no amor, $:
    Felicidades <3
    BEIJINHOS.

    ResponderEliminar
  2. para anónimo:
    Eu também achava que não tinha sorte em nenhum dos dois, mas parece que o destino se encarregou de me mostrar o contrário. Não desesperes, quando menos esperares, vais ver o amor a bater-te à porta...

    ResponderEliminar
  3. que se passa para andares tão contente? :$

    ResponderEliminar

Sinceridade é o único requisito