10.2.11

Estamos destinados

Eu acredito piamente, que num futuro nós vamos acabar por nos cruzar na rua e provavelmente iremos cair nos braços um do outro. A tentação é tanta, e a vontade de cair nela aumenta de dia para dia (...) Quero que saibas que estou aqui para tudo: para te ouvir, para que não faças nada que seja uma asneira na tua vida, para te apoiar. Porque és especial, sei que não somos amigos, és mais um amor, mas um amor diferente dos outros, que eu nem te sei explicar. És perfeito para mim. (...) Sei que és capaz de tomar conta de mim, de me abraçar para a vida. Sei que até eras capaz de tudo. E uma coisa te digo, eu acho que estamos destinados (mas não já).

11 comentários:

Sinceridade é o único requisito