21.7.11

5

Adoro  todas as noites em que adormeces a falar e fazes as tuas combinações de pijamas. Adoro viajar para dentro dos teus olhos antes de adormeceres, enquanto revisitas o meu corpo uma última vez e eu encontro a chama no teu olhar. Tu sabes como me amar. És meigo, cuidadoso, envolvente, terno e já te disse que dás os melhores beijos do mundo? Porque dás! És o homem perfeito para eu amar. Sabes o que já ouvi dizer? Que a nossa alma gémea é sempre a mesma, o que quer dizer que já me pertenceste noutra vida e que me vais pertencer em todas as que eu ainda tiver. Tenho o teu nome escrito no coração de todas as maneiras e feitios- seja em itálico ou negrito, esteja ou não sublinhado, em letras bem gordas e outras mais pequeninas (para caberem muitas), mas as pequeninas não deixam de ser tão importantes como as gordas. Sabes uma coisa? Não preciso de um papel, nem de um cartório, nem das nossas  assinaturas numa linha, nem de um padre, nem de testemunhas, basta-me as nossas palavras e juras de amor para estar casada contigo, os nossos corações têm uma aliança tatuada. Eu amo-te e quero-te e tenho-te e todos os dias acordo feliz, devido a isso. Eu tornei-me numa pessoa a partir do momento em que as nossas mãos se fundiram, em que os nossos olhares se cruzaram naquele dia no porto. Era fim de tarde, sei que fazia frio, fazia frio e havia barulho, uma simples passadeira separava os nossos corpos, mas à distância de uma mensagem reaproxima-mo-nos e obrigado por isso, a partir desse momento toda a minha vida mudou, pertenço-te e sou feliz por te amar. Cinco meses hdmv, quase meio ano, uma vida para mim. Parabéns a nós, velhinho!

4 comentários:

Sinceridade é o único requisito