Amo-te de um amor louco, que só nós sabemos

by - setembro 10, 2011

Sabes o que é amar-te do fundo do meu coração e todo ele te pertencer a ti? É assim que te amo.
A medida do amor, é amar sem medida. Amar sem porquês, nem ondes, nem quandos, é simplesmente amar. Sem explicações, sem comos, sem horas, nem dias. É amar com medos, com certezas, com verdades, com respeito, com amor. É entregar-mo-nos sem pedir nada em troca. É dar, sem se sentir obrigado a receber. É  fazer do outro nós mesmos, amar acima de tudo. É querer a felicidade do outro , mais do que a nossa. É cuidar do outro com toda a dedicação e carinho do mundo. Amar é a doçura mais doce que o açúcar. Amar são as borboletas que sentimos no estômago, o frio na barriga, o tremelico nas pernas, o nervosismo, fazer de todos os dias uma primeira vez. Amar é simples, e também é simples arrancares-me todos os sorrisos que me arrancas.
Desde que começámos, foi o primeiro dia do resto das nossas vidas e será sempre assim.
Amo-te de um amor louco, que só nós sabemos.

Pode Ser Que Gostes

14 flores

  1. sim sim, e eu é que sei :c

    ResponderEliminar
  2. E achas que o meu blog é doce? Oh querida Lú, nem sei o que chamar ao teu. Fico apaixonada só de vir aqui. Dá-me logo vontade de dizer coisas bonitas ao R.:)

    ResponderEliminar
  3. Por aquele comentário vou dizer, vou dizer-lhe uma coisa bonita. Se me deixares um daqueles todos os dias, vai ficar um mimado. :)*

    ResponderEliminar
  4. que blog apaixonante que tens aqui, vou passar a vir mais vezes (se é que não te importas) **

    ResponderEliminar

Sinceridade é o único requisito