17.12.13

Amor único

E esta semana é assim triste. Não vou dizer lembrei-me de ti, porque para lembrar é preciso esquecer e não há um único dia em que o faça. Admito que choro um pouquinho todos os dias. Lágrimas de saudade, lágrimas por saber que momentos que passamos juntas a falar na tua cozinha são de facto únicos e que nunca mais se irão repetir. Não há como o fazer, infelizmente. 
E sempre que chega à noitinha falo contigo para te desejar uma boa noite e te contar o meu dia, hábito que ganhei quando partiste para longe de mim. E hoje fazias anos de vida, e ontem fez dois anos que partiste. Sei que és o meu anjinho, e quem me tem protegido. Sei que nunca me deixas só, eu sinto. Eu sinto em cada parte do meu ser. Por isso parabéns minha avó, e obrigada por me teres ensinado a sentir este amor tão único como é o meu por ti.

3 comentários:

  1. Não deve ser nada fácil, nada de nada... Espero que esteja num lugar melhor a olhar por ti e estar absolutamente orgulhosa de ti.

    ResponderEliminar
  2. Tem pessoas que marcam a vida da gente e sempre deixam sdd.
    Meu filho é super apegado a minha mãe, vejo que ele tem ela como uma segunda mãe.
    Que Deus te dê forças, qdo a sdd apertar.

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  3. São pessoas assim que fazem a vida valer a pena, independentemente da dor de as perdermos!

    ResponderEliminar

Sinceridade é o único requisito