Testemunho: pelos caminhos da faculdade

by - setembro 15, 2017

(fotografia da minha autoria)
Contextualizando: Hoje, na minha rotina diária pelo youtube, a ver um dos típicos "regresso às aulas"- pois é, as aulas estão aí à porta- deparei-me com um comentário sobre o facto de uma rapariga, que está a acabar o secundário, não querer ir logo para a faculdade e que isso a iria prejudicar, porque na opinião das pessoas ela ia perder o ritmo.

Na minha opinião, que fui para a faculdade três anos após ter terminado o secundário. Ir para a faculdade foi algo complicado, pelo simples facto de ter sido obrigada a repetir um exame que me dava o acesso à faculdade, porque o exame que fazemos no secundário tem uma validade de dois anos. Repetir esse exame foi difícil, porque não tinha aulas à três anos e- por opção minha, que não quis voltar à escola para assistir às aulas da disciplina que ia ter exames- estudei sozinha em casa. Foi uma jornada complicada, já não me lembrava de grande parte da matéria, mas com esforço e dedicação consegui.
Outra coisa que achei complicada, nisto de voltar a estudar, foi o ter aulas, fazer trabalhos, testes, recuperar esse ritmo que tinha deixado para trás e isto foi ainda mais atribulado, porque se há algo que aprendi no secundário, com certeza não foi sobre o que fazer numa faculdade, o secundário não nos prepara para a vida, não nos prepara para a faculdade, só nos prepara para os exames- e mal- e depois disso? Falo pelo menos pela minha experiência. Não sabia estudar em condições, não sabia fazer resumos- porque lia as páginas dos livros e já estava, mas na faculdade não há livros, há o que os professores vão dizendo nas aulas e montes de textos para resumir- não sabia fazer trabalhos- o que raio eram referências bibliográficas finais, ao longo do texto, o diabo a quatro- e não sabia fazer apresentações orais sem ler tudo o que dizia no papel- duas horas depois e com a turma a dormir tinha acabado de apresentar o trabalho. Toda esta aprendizagem e adaptação a um mundo académico completamente diferente, foi também uma jornada difícil. Mas mais uma vez, com esforço e dedicação consegui, aprendi, tornei-me melhor estudante e numa pessoa mais crítica, reflexiva e com voz.

Se é difícil? Claro que é. Impossível? Não. Quando se quer, quando se acredita, tudo se consegue. Nunca é tarde para estudar, nunca é tarde para aprender. Na verdade a aprendizagem é e deve ser um processo contínuo.
Dois anos depois- com boas notas- aqui estou eu: FINALISTAAAAAAA!

Pode Ser Que Gostes

9 flores

  1. R: Obrigada minha querida :)

    Eu também só entrei três anos após terminar o secundário, também tive de fazer um exame, do qual já não tinha aulas há 3 anos, lá estudei como uma louca e consegui o pretendido.
    Entrei no ano passado na Universidade, vou agora para o segundo ano. Só quero que corra tão bem como correu o primeiro :)
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  2. Muitos parabéns!!! =) Foi uma jornada dura, mas compensadora =)
    Beijinhos,
    http://chicana.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  3. Muito bom! Agora voce é vencedora!
    Beijinhos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderEliminar
  4. Muitos parabéns querida! Eu comecei agora na universidade.
    beijinhos :)
    Segui o teu blog.
    https://dailyvlife.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  5. Eu concordo contigo. É com esforço que tudo se consegue! E muitos parabéns por seres finalista <3 Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Quando terminei o secundário fui logo para a faculdade porque já ia "lançada". Entre terminar a licenciatura e começar o mestrado, ponderei parar por falta de motivação. No entanto, decidi continuar porque senti que se parasse não voltaria. Foi a melhor decisão que tomei!
    Kiss, Mariana Dezolt
    Messy Hair, Don’t Care

    ResponderEliminar

Sinceridade é o único requisito